Propomos concentrar artigos, de autores diversos, (postados na internet, revistas ou livros) com vista a reunir num mesmo lugar o que está espalhado por ai. A intenção-maior, ao reunir as manifestações de ideias que este Blogueiro se identifica, é compartilhar o conhecimento, enfatizar o senso comum que preza pelo amor a Deus e ao próximo, que valoriza a vida humana e tudo que compõe nosso espetacular ecossistema. Não há objetivo comercial nisso. Blog principal: Belverede.

Translate

Research | Pesquisar artigos de Cosmovisão

quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

Revista Veja na Eslavec Águas de Lindóia

Foto da capa: Mario Rodrigues


O Jornalista João Batista, representando a Veja, escreveu uma matéria de cobertura do evento 4ª Escola de Líderes Associação Vitória em Cristo (Eslavec), realizada pelo ministério de Silas Malafaia entre os dias 11 a 14 de Dezembro de 2012 em Águas de Lindóia - SP . A reportagem foi publicada no encarte Veja SP, edição 2304, com circulação exclusiva no perímetro do estado pauslista.

Aparentemente, toda a narrativa do repórter, partindo em um ônibus que saiu do bairro Barra Funda - SP, parece não haver intenção de dolo. Ele descreve os fatos com neutralidade e vocábulos de alguém com pouca familiaridade com o meio evangélico.

A página virtual da Veja Online contém comentário de uma pessoa que estava na mesma condução e o contradiz. Trata-se do episódio em que o motorista dá a partida no veículo e o guia da excursão se manifesta. Versão do repórter: “Que Deus abra o caminho contra as sílabas do maligno”. Versão do evangélico Samuel Napoleão Silva: "Que Deus guarde o nosso caminho nos livrando das ciladas do inimigo”. Napoleão Silva acrescenta: "Quero entender que tenha sido um erro na digitação da matéria, ou o repórter quis dar uma de Ari Toledo, ou estava surdo mesmo". Eu penso que o ambiente no interior do carro estava naquele clima de passeio, e as muitas vozes lá e acolá atrapalharam a audição de João Batista.

Os organizadores do evento esperavam recepcionar cerca de cinco mil pessoas, João Batista não informa se esta meta foi atingida.

João Batista não menciona o caráter do evento, que é interdenominacional.

Na terceira parte da reportagem, consta que a Igreja Mundial do Poder de Deus faz uso da prática de convidar à sua equipe de obreiros pessoas que estão integradas e atuantes como obreiras em outras denominações evangélicas. Sou alguém que conhece quem já foi pressionado a integrar-se à IMPD. A pessoa convidada não cedeu ao convite.

Palestrantes: Silas Malafaia, Elizete Malafaia, Walmir Cohen, Coty, Marco Antônio Peixoto, Silmar Coelho, a doutora Dra Edméia Willians e o bispo norte-americano T.D. Jakes. Apresentação de louvores: Danielle Cristina, Nani Azevedo, Eyshila, Raquel Mello, Jotta A., dupla Marquinhos Menezes e Lilian, Dayan Alencar, Jozyanne e Rachel Malafaia.

Confira a matéria na fonte:

Parte 1: Acompanhamos um curso de mão de obra evangélica
Parte 2: Silas Malafaia - o caçador de pastores
Parte 3: As exigências de algumas igrejas para quem sonha em ser pastor 

E.A.G.

domingo, 6 de janeiro de 2013

O cigarro suspeito de Justin Bieber

Ao que tudo indica, a câmera de um paparazzo flagrou o jovem astro pop Justin Bieber fumando um cigarro suspeito, ilegal. A imagem foi parar em revistas e sites de fofocas.

Justin Bieber seria só mais um garoto na fase adolescente se houvesse na vida dele apenas testosterona em ebulição. Mas, além da força da natureza que o leva às contestações e à falsa necessidade de afirmar-se como “eu sou mais eu – e daí?”, existe fama e dinheiro.

Efemeridades! A vida, a fama, o dinheiro... Corremos atrás de uma vida social legal, da projeção que nos deixe bem na foto, e do money... Alguns de nós colocamos as mãos em tudo isso. Mas, se a expectativa de quem busca essas coisas é se sentir completo, então, é uma pena.

O status quo não preenche ninguém efetivamente, ocupa momentos sem tirar o vazio da satisfação que impulsiona a viver feliz. Daí, a frustração de ricos e famosos metidos em situações esquisitas. Esperamos que o Bieber não esteja se debatendo neste dilema.

Façamos do hoje um degrau para um futuro melhor. A receita para melhorar a vida de verdade é valorizar mais as pessoas do que as coisas. Gostar das pessoas como gostamos de nós mesmos. Lembrar que somos, todos nós, falíveis quando enxergamos a falha do outro. Exigir os acertos na mesma intensidade que desejamos que exijam a correção pessoal em nós.

E.A.G.

sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

A dura vida de quem, mesmo, senhora Elaine Brum?

Por Ciro Sanches Zibordi

"A dura vida dos ateus em um Brasil cada vez mais evangélico". Este é o título de um recente artigo da colunista Eliane Brum (foto), da revista Época. Ela afirmou, entre outras coisas, que muitos ateus sequer podem assumir a sua condição, temendo ser hostilizados pelos evangélicos. Isso não é comovente?

Considerando o argumento "ultra-imparcial" da premiada jornalista, sugiro outros títulos de artigos, pelos quais expoentes cristãos poderão demonstrar que os "cruéis" e "inconvenientes" evangélicos também têm sido hostilizados, em outras circunstâncias.

Que tal "A dura vida das famílias evangélicas em um Brasil cada vez mais imoral"? Ou: "A dura vida dos cristãos em um Brasil cada vez mais evangelicofóbico"? Ou ainda: "A dura vida dos heterossexuais em um Brasil cuja mídia está cada vez mais dominada pelo ativismo gay"?

A grande verdade é que muitos dos ateus e ativistas gays, que desejam não ser incomodados pela pregação do Evangelho, ao mesmo tempo querem ter (e têm tido) a liberdade para propagar a sua ideologia. Haja incoerência! Isso mostra que desejar cercear a liberdade de expressão sob a égide do Estado laico é demonstração de intolerância.

Todos os brasileiros, religiosos ou ateus, têm a liberdade, garantida na Constituição Federal, de dizerem o que pensam. Cada um de nós pode defender a sua crença, desde que respeite, também, as pessoas que pensam de modo diferente.

Fonte: Blog do Ciro

Select the language